EnglishPortugueseSpanish
CAMPOS DO JORDÃO
Postado por Estela T em janeiro 6, 2020 Editado em setembro 17, 2020

Neste post coletei dicas do que fazer em um bate e volta a Campos do Jordão fora da temporada do inverno, momento em que a cidade não está repleta de visitantes!

dicas de bate e volta a campos do jordãoCampos do Jordão faz parte de uma das 12 cidades do Estado de São Paulo que são consideradas "estâncias climáticas*" e possui várias considerações como: uma das cidades brasileiras com o ar mais puro, um dos municípios Brasileiros situado na maior altitude no Brasil que é de 1.628 metros e por fim, considerada a "Suíça Brasileira" sendo que a arquitetura adotada para a cidade é majoritariamente germano-européia.

A cidade está localizada no maciço da Serra da Mantiqueira, uma das mais elevadas cadeias de montanhas do Brasil que possui uma área de 289,5 km² e que junto com Rio Paraíba do Sul, dá a característica da região denominada Vale do Paraíba**. Devido a esta geografia, a região possui muitas atividades relacionadas à natureza incluindo montanhismo, trekkings e etc.

A cidade foi fundada em 1874 e mais tarde foi incorporadoaao município de São Bento do Sapucaí já com o nome de Campos do Jordão e a Vila Abernéssia começou a ser construída onde foram instalados os sanatórios para tratamento de doenças dos pulmões, como a tuberculose. Pois é... já naquela época o ar puro das montanhas era considerado como um benefício para os pulmões!

Em meados de 1934 Campos do Jordão se emancipou e tornou-se um município independente. O nome é uma homenagem ao Brigadeiro Jordão, pois, na época, era costume ligar-se o nome do proprietário à propriedade. Com o avanço da medicina, a partir da década de 1950 felizmente a tuberculose deixou de ser tão comum, fazendo com que o número de pacientes diminuísse e com isso diminuiu a movimentação de pessoas na cidade e, para suprir a lacuna que estes pacientes traziam à cidade, desenvolveu-se o turismo, com foco principal no turismo de inverno.

Como chegar a partir de São Paulo, capital:

Campos do Jordão fica a 172km de distância do centro de São Paulo

A melhor opção é ir de carro e o melhor caminho é seguir pela Rodovia Presidente Dutra e depois a Rodovia 383. Sem trânsito a viagem pode durar 02h30min. A opção pela Rodovia Ayrton Sena é um pouco mais longa e possui 4 pedágios que custam aproximadamente R$ 3,60 cada, totalizando R$15,00 (valor de Dezembro/2019). Coloque "Vila Capivari" no GPS para encontrar o centro turístico que, para quem não sabe, fica bem depois do centro comercial da cidade.

Você pode optar pelo ônibus que sai da Rodoviária do Tietê e a linha é operada pela empresa Pássaro Marrom. Você pode comprar sua passagem pelo site deles mas lembre-se que os 4 primeiros assentos do ônibus são reservados para idosos, mulheres grávidas e pessoas com restrição de mobilidade.
A viagem dura 03h20min é bem tranquila e custa cerca de R$56,00 a ida + R$56,00 a volta (valores deDezembro/2019).

dicas de bate e volta a campos do jordão com fotos e textos de itinerário de viagem

Vila Capivari

Não tem como ir a Campos do Jordão e não passar pela Vila Capivari, mas eu já recomendo ficar pelo menos 2 dias na cidade para poder aproveitar tudo o que ela oferece, de qualquer forma em 1 dia inteiro dá pra conhecer muito bem o centro turístico.

A Vila Capivari é onde fica a maior concentração de estabelecimentos comerciais como lojas e restaurantes dentro de edificações com arquitetura de inspiração germânica que atrai muitos turistas. Eu costumava evitar a cidade porque as outras 3 vezes que passeei por lá, achava o atendimento muito ríspido, porém, qual foi a minha surpresa em ser, finalmente, muito bem atendida por todos no final de 2019! Há vários passeios turísticos a se fazer, então, se você não foi de carro para se deslocar entre as atrações da cidade, pode contratar algum!

O legal da vila é ir em uma cervejaria ou alguns restaurantes. Em todos os os lugares é muito fácil encontrar chocolaterias e no inverno, o grande pico do turismo na região, e as casas oferecem sopas e foundue.

dicas de bate e volta a campos do jordão

Vila Capivari em Campos do Jordão

dicas de bate e volta a campos do jordão

Restaurantes e bares no centro turístico, Vila Capivari

dicas de bate e volta a campos do jordão com fotos e textos de itinerário de viagem

Boulevard Genève

Uma das construções impossíveis de serem ignoradas na vila é o Boulevard Genève que nada mais é do que um centro comercial caracterizado por uma torre em uma alameda da vila. Ele é muito bonitinho mas infelizmente não consegui tirar fotos da torre porque no dia que eu fui, a decoração estava focada no Natal, escondendo detalhes da arquitetura do local, uma pena!

dicas de bate e volta a campos do jordão

Boulevard Geneve

dicas de bate e volta a campos do jordão

Decoração da Boulevard Geneve para Natal 2019

dicas de bate e volta a campos do jordão

Dentro da Torre do Boulevard Geneve

dicas de bate e volta a campos do jordão com fotos e textos de itinerário de viagem

Morro do Elefante

O Morro do Elefante não tem lá tanta coisa a oferecer, mas dizem que o passeio de teleférico vale a pena pelo preço que se paga. Bom... Eu achei caro pela experiência que, para mim, foi tenebrosa.

Custa R$25,00 para ir e voltar no teleférico individual. Dá uma aflição gigantesca e a sensação de queda livre é iminente a todo momento. Teve uma hora que o negócio parou e eu fiquei mais aflita pensando que se ele parasse novamente na parte mais alta, eu surtaria.

A altitude total do morro é de 1.800 metros e há a possibilidade de ir de carro também. Quando você chega próximo de pular do banco do teleférico, um homem tira uma foto sua e no local eles a vendem por R$15,00 cada (tamanho de 20x24cm se não me engano). Eu não quis já que estava com cara de pânico.

A vista é bacana lá de cima, mas não há lá muita coisa para se fazer por lá. Tem um parque minúsculo gratuito de gosto muito duvidoso "mostrando" elefantes bizarros... Dispensável e desnecessário.

Pedalinho

dicas de bate e volta a campos do jordão

Passeio de Pedalinho

Uma opção que não deve ser lá tão angustiante é o passeio de pedalinho que custa R$20 por pessoa, ou seja, meio caro porque o lago, que é artificial, é bem pequeno e não é lá bonito o suficiente para explorar.

Não perguntei na hora quantos minutos dura o passeio do pedalinho porque não achei nada promissor, achei que encontraria alguma informação na internet, mas nem isso encontrei, mas de toda forma, acho o passeio meio chato, talvez seja mais interessante para crianças.

Talvez seja interessante para quem quer fazer fotos engraçadas e a vegetação local até que agrada, então talvez seja compensadora.

dicas de bate e volta a campos do jordão

O teleférico do Morro do Elefante

dicas de bate e volta a campos do jordão

Hortênsias e Teleférico

dicas de bate e volta a campos do jordão

O teleférico do morro do elefante em Campos do Jordão

dicas de bate e volta a campos do jordão

Vista do alto do Morro do Elefante

dicas de bate e volta a campos do jordão

Descida do Teleférico do Morro do Elefante em Campos do Jordão

dicas de bate e volta a campos do jordão
dicas de bate e volta a campos do jordão com fotos e textos de itinerário de viagem

Fábrica de Chocolates Araucária

Após o nosso almoço ficamos esgotados e cansados porque estava quente e abafada a cidade. Fomos até a fábrica de chocolates Araucária para conhecer um pouco e tomarmos um café. O processo fabril que se pode ver não é grande coisa, nada do que você já não encontra na sua própria casa quando se manipula chocolates em barras, mas eu gosto dos chocolates de lá.

Há um minúsculo museu no andar de cima sobre a origem do cacau e do chocolate, coisa bem simples, mas muito simples mesmo.

Tomamos o nosso café que de modo geral, eu não gostei porque parecia café de coador e não espresso. Mas ok... valeu pelos chocolates que comprei.

EndereçoAv. Amadeu Carletti Junior, 255

dicas de bate e volta a campos do jordão

Loja de Chocolates Araucária

dicas de bate e volta a campos do jordão

Museu sobre o chocolate

dicas de bate e volta a campos do jordão

Um pouco da fabricação

dicas de bate e volta a campos do jordão com fotos e textos de itinerário de viagem

Amantikir : Jardins que Falam

Hortênsias do Amantikir

Já era 15h30 quando fui olhar o relógio e dei uma acelerada nos amigos para irmos ao Amantikir que fica aberto até as 17h30 apenas.

Conhecido também como Jardins de Amantikir, fica a quase 10km de distância da Vila Capivari e é um parque composto por um conjunto de jardins de vários estilos, além de outros diversos pontos de interesse. O local do parque, pelo o que nos falaram, costumava ser um haras e a ideia de se construir um parque com vários jardins dentro foi completada em 2007. Obviamente quando se trabalha com plantas naturais, a coisa não é do dia para noite, então eu imagino que levou um bom tempo até o parque conseguir a fantástica forma que tem hoje!

O idealizador do parque foi o paisagista e engenheiro agrônomo Walter Vasconcellos, conhecido como Dr. Garden. Atualmente o espaço conta com cerca de 700 espécies de plantas cultivadas. O que dá o charme no parque, o que difere de vários outros que eu havia conhecido até então, é a presença de araucárias.

Recentemente tomei interesse no parque porque se tornou meio que febre no Instagram. A primeira vez que o vi pensei que, por causa do nome, se localizava na Turquia, mas pesquisando, vi que era em Campos. Eu não sabia que os indígenas chamavam a Serra da Mantiqueira de Amantikir e existe até uma lenda a respeito!

O parque é dividido em 7 setores e em uma visita de 3 horas dá pra ver tudo com calma. Existem mirantes, casa na árvore (concebida para ser realmente habitável), espelhos d'água, labirintos, orquidários, estufa, School Garden e etc. São diversos tipos de jardins inspirados em parques do mundo, com características paisagísticas de países como: Inglaterra, França, Alemanha, Áustria, Espanha, Itália, EUA, Canadá, México, Japão e China, entre outros.

parque amantikir e dicas de bate e volta a campos do jordão

Jardim Japonês

parque amantikir e dicas de bate e volta a campos do jordão

Jardim inglês do Amantikir

parque amantikir e dicas de bate e volta a campos do jordão

Uma das pontes do Lago das Pontes

O local possui estacionamento gratuito não muito grande e recebe muitas excursões. O atendimento é excelente, todos os funcionários estão dispostos a ajudar e também estão sempre atentos.

O valor do ingresso é de R$40 e aceita carteirinha de estudantes (valor de Dezembro/2019). Abre todos os dias das 08h30 até 17h00

parque amantikir e dicas de bate e volta a campos do jordão

Casa da Árvore

Sala de estar da casa na árvore

Possui até cozinha, tudo funcionando

Vista de uma das janelas

Meio que sem querer, fomos na época da floração das Hortênsias, uma flor belíssima que forma um buquê muito característico. Nativa da Ásia, mais pela região da China e Japão. Como esta planta prefere climas mais amenos e/ou gelados, é mais comum vê-la no sul do Brasil como no Rio Grande do Sul, mas ela também se adaptou muito bem em Campos. Foi incrível ver vários locais cheios destas flores lindas!

Labirinto de Grama e ao fundo o labirinto clássico

Hortênsias no parque

Espelho d'água

Repolhos pretos dos Patamares

parque amantikir e dicas de bate e volta a campos do jordão

Patamares do Parque Amantikir

Labirinto clássico

Vista de um dos pontos altos do parque

parque amantikir e dicas de bate e volta a campos do jordão

Uma das vistas no parque

Uma das vistas perto do parque

dicas de bate e volta a campos do jordão com fotos e textos de itinerário de viagem

Neste dia almoçamos na Cantina & Ristorante Dom João que fica na R. Isola Orsi, 33 perto da saída do teleférico e sua especialidade é a cozinha italiana. Com a promessa de massas feitas na casa, bem como o molho de tomate, estava muito calor para comê-las, então fui de frango a parmeggiana que estava saboroso. Meu prato sem bebida custou quase R$40, coisa que considero um pouco caro para este tipo de prato. Existem restaurantes bacanas onde é possível comer à vontade por R$29,90, mas este de todo modo fico desconfiada porque geralmente possuem pouca proteína e as que tem, são bem medianas na qualidade.

* Para quem quer saber quais são as estâncias climáticas de São Paulo: Analândia, Atibaia, Bragança Paulista, Caconde, Campos do Jordão, Campos Novos Paulista, Cunha, Morungaba, Nuporanga, Santa Rita do Passa Quatro, Santo Antônio do Pinhal e São Bento do Sapucaí. Deixo destacado em negrito as quatro cidades que fazem parte do Vale do Paraíba.
** Vale do Paraíba fica em cima de uma grande rachadura natural (ou fossa tectônica) formada há mais de 65 milhões de anos onde, no fundo dessa rachadura, formou-se um enorme lago denominado de "Bacia de Taubaté" que depois acabou sendo sedimentada, criando uma espessa camada de argila no fundo do lago que acabou soterrando animais (a área é local para pesquisa de diversos fósseis). Em cima desta bacia, há um milhão de anos, formou-se o Rio Paraíba do Sul e é dele que vem o nome do Vale do Paraíba.

dicas de bate e volta a campos do jordão com fotos e textos de itinerário de viagem

Mapa dos locais descritos e sugeridos neste post:

Mais lugares para conhecer:

  • Caminhar pelo Bosque do Silêncio
  • Ir até a Ducha de Prata que são quedas d'água artificiais
  • Museu Casa da Xilogravura que fica perto da Fábrica de Chocolates Araucária
  • Mosteiro Beneditino de São João no fim do dia quando as monjas realizam cantos católicos
  • Palácio Boa Vista e tomar um café no Café Palácio Campos do Jordão
  • Museu Felícia Leirner
  • e na Vista Chinesa que fica a caminho do Amantikir
  • e por fim o Pico do Itapeva

dicas e sugestões e registros fotográficos e videográficos de itinerário de viagem, favor respeitar!

Hospedagem:

Eu nunca me hospedei em Campos do Jordão, porém, percebo que a maioria se denominam "pousadas" e pela minha pesquisa, algumas se destacam pelas notas do Booking: Pousada Vila das Cores, Pousada Villaggio Itália, e a Pousada da Brigida que tem mais casa de casa.

ATENÇÃO: Algumas informações descritas no blog podem mudar, como por exemplo, preços, horários de funcionamento e até mesmo endereços. Consulte sempre antes de ir! Não possuímos vínculos com as empresas, serviços e profissionais mencionados neste blog

Organize sua viagem com os serviços a seguir ->

Icons made by: Flat IconsFreepikIcon Pondmonkik, mynamepongNikita GolubevPixel BuddhaPixel perfect, photo3idea_studioProsymbolsRoundiconsSmashiconssripTwitterVectors Market from Flaticon are licensed by CC 3.0 BY

Deixe seu comentário / Nenhum comentário

Itinerário de Viagem (C) Direitos reservados
desenvolvido por