EnglishPortugueseSpanish
JAPAN HOUSE: Nonotak e Aromas e Sabores Japoneses
Postado por Estela T em outubro 22, 2018 Editado em outubro 29, 2018

No final de semana passado tivemos um intercâmbio do Japão BR promovido pela Patrícia do blog Bagagem de Memórias, onde 15 blogs tiveram um banho de interação sobre a cultura japonesa. E neste post abordamos duas exposições da JAPAN HOUSE: Nonotak e Aromas e Sabores Japoneses! Esta foi uma forma de conhecer um pouco mais sobre a cultura já que as duas exposições abordam temas muito interessantes que são as construções de aromas e sabores utilizados na culinária contemporânea japonesa e a cena jovem de Tokyo que mistura artes visuais e arquitetura, que vão além daquilo que estas palavras sugerem.

Além disso, nossa visita foi acompanhada pela Reiko Nakamura, consul do Japão em São Paulo para assuntos políticos e gerais e Cláudio Kurita, diretor de operações da Japan House... somos chiques heim?

 

japan house, sao paulo, brasil, brazil, fachada

textos e imagens (exceto logo) de autoria de Itinerário de Viagem, favor respeitar JAPAN HOUSE: Nonotak e Aromas e Sabores Japoneses

NONOTAK

O nosso grupo chegou no térreo e logo foi surpreendido pela instalação Nonotak que propõe a quebra entre as fronteiras das artes visuais e da arquitetura, tudo a ver com o Itinerário de Viagem, não é mesmo?
A dupla Takami Nakamoto (arquiteto e músico) e Noemi Schipfer (ilustradora) é conhecida por usar a tecnologia personalizada e também por usar de forma não convencional a tecnologia convencional, criando um efeito único e personalizado. Conhecidos como NONOTAK, vem recebendo, desde a sua criação em 2011, muitas avaliações positivas e realiza trabalhos para grandes instituições como ninguém mais e ninguém menos a Tate Britain, em Londres. A dupla ainda desenvolve performances inéditas para festivais de música e performance, como Sónar Barcelona, Sónar Istambul, TaicoClub, CTM Festival, Day For Night, STRP biënnale, MUTEK Montreal, entre outros.
Na Japan House a dupla montou três instalações imersivas e sensoriais do tipo "site specifics" (instalação idealizada especialmente para um determinado local) e a mostra chama-se "次元 Dimensão" que levanta a reflexão sobre o constante avanço da tecnologia e sua inserção no universo das artes.
A primeira instalação chama-se “Magnitude” que é uma instalação sensorial com barras de LED e programação (de dados) avançada que se modifica conforme a presença de um corpo físico dentro da obra.

A segunda instalação chama-se “Daydream V.5 Infinite” e é feita com projeção a laser, espelhos e sonorização, que vão ao encontro da sensação de infinito e geram distorções espaciais, que estabelecem uma conexão física entre o espaço real e o espaço virtual. A proposta da obra é viver um distanciamento da realidade.

A terceira e última instalação usa técnicas de iluminação e som, a obra chama-se “Zero Point Two”, onde os raios de luz são transmitidos aleatoriamente, desenvolvendo infinitas formas geométricas. As luzes vão se transformando e até parece que estão flutuando em um espaço infinito.

japan house, nonostak, sao paulo, exposição, brasil, brazil
japan house, nonostak, sao paulo, exposição, brasil, brazil
japan house, nonostak, sao paulo, exposição, brasil, brazil

A sensação que se tem quando você fica próximo ou entra nas obras é única, e cada um terá uma percepção diferente. Fiquei bem surpresa com o que vi e senti, dá uma sensação por um momento de festa, outro de vertigem e outro momento de estranhamento. Mas já garanto que as três instalações possuem efeito hipnótico e não dá vontade de ir embora!

textos e imagens (exceto logo) de autoria de Itinerário de Viagem, favor respeitar JAPAN HOUSE: Nonotak e Aromas e Sabores Japoneses

Aromas e Sabores

Pela segunda vez eu tive a oportunidade de me deliciar na exposição Aromas e Sabores que traz um ambiente lúdico, interativo e bastante didático, onde a proposta é o visitante fazer um passeio pela diversidade de cheiros e gostos na cultura japonesa por modo sensorial.

Fomos apresentados aos sabores básicos do doce, amargo, azedo, salgado e umami e entendemos como o corpo humano os identifica, de onde vem o sabor dos alimentos e como o cheiro contribui na construção do sabor. Isso tudo nos é apresentado em forma de balinhas de gelatina em formato de ursinho e a alga wakame amplamente utilizada na culinária japonesa.

Depois percorremos em um labirinto olfativo de flor de sakura que eu ameeeeei demais! Convenhamos que eu tenho um olfato muito apurado e acabei sentindo a localização dos cheiros, que é a sugestão do labirinto. Mas o que eu achei impressionante é que, quando você entra na sala onde está o labirinto, o ambiente todo possui um cheiro uniforme, mas quando você caminha por ele, um cheiro específico te atrai quase como se você fosse uma abelha operária. Fui atraída de uma forma tão natural que até eu me assustei! A sala possui 4 frascos com a tal fragância de sakura e a instalação foi desenvolvida pela artista plástica japonesa Maki Ueda e, obviamente, encontrei as 4 😉

Outra imersão em sabores e aromas acontece na sequência mas agora com outras fragrâncias e essências típicas do Japão como a alga, o wasabi (raíz forte japonesa) e outros que atualmente são encontrados em comidas, bebidas, perfumes, odorizadores e incensos.

Depois mais um teste às cegas com mais balas gelatinosas de uva japonesa, melão, wasabi, shoyu (molho de soja) e morango, sabores desenvolvidos exclusivamente pela Takasago, uma casa de aromas e fragrâncias. As balinhas são todas da mesma cor para não influenciar na percepção do visitante. É muito legal que, quando não recebemos dicas visuais, o cérebro fica até meio perdido e identifica estes sabores básicos apenas, mas não chegamos a construir algo do tipo... ahhhh é uma bala de caramelo recheada com morango. Simplesmente o cérebro nos dá as informações básicas e no final avaliamos se é bom, se é estranho, se é ruim, etc.

japan house, aromas e sabores, sao paulo, exposição, brasil, brazil
japan house, aromas e sabores, sao paulo, exposição, brasil, brazil
japan house, aromas e sabores, sao paulo, exposição, brasil, brazil
japan house, aromas e sabores, sao paulo, exposição, brasil, brazil
japan house, aromas e sabores, sao paulo, exposição, brasil, brazil

Infelizmente para quem não foi a esta exposição a notícia ruim: ela acabou no dia 21/Outubro. Mas acompanhe o blog ou a página da Japan House porque já já uma nova exposição será apresentada!

Informações:
Endereço: Avenida Paulista, 52 (Piso Térreo)
Horário de funcionamento: Terça a Sábado das 10h-22h. Domingos e feriados das 10h-18h
Entrada gratuita
Nonotak fica em exposição até 06 de janeiro 2019

Ganhamos da Japan House: uma revista sobre turismo no Japão com dicas sobre a cultura, costumes e pontos turísticos! Não vejo a hora de colocá-lo em prática! E também ganhamos folhetos de exposições passadas e um catálogo sobre a Japan House! Gratidão! ❤❤❤

foto de Patricia Takehana - Bagagem de Memórias

"Pina" esta foto no Pinterest 😉

O evento juntou: Tá na minha RotaSão Paulo da GaroaTuristando com a LuOrientando-se pelo mundoYomitaiCasa de DodaMulheres ViajantesAbraço MundoAndrea ToptourIdeias na MalaViajante Móvel Kari Desbrava - Blog de viagem Trippolis, além do próprio Bagagem de Memórias e nós, do Itinerário de Viagem. Foram dois dias de muita interação e imersão na cultura japonesa em São Paulo!

Acompanhe os próximos posts sobre este evento que serão publicados em breve!


Fotos e textos desenvolvidos por Itinerário de Viagem. Logo autoria de JapaoBR. Favor respeitar

Deixe seu comentário / 5 Comentários

  1. Responder
    Felipe Farias

    Interessante esta nova exposição na Japan House. Com certeza vou ver

    • Responder
      Itinerário de Viagem

      A exposição do NONOTAK? Sim, é muito boa! A outra já acabou mas com certeza coisa boa virá!

  2. Responder
    Carlos Borsa

    Bem legal esta turma que esteve com você nestes passeios destes dias!

Itinerário de Viagem (C) Direitos reservados
desenvolvido por